Início » Governador libera R$ 20 milhões do Estado para revitalização do Eixo Monumental de Maringá
Paraná em Notícias

Governador libera R$ 20 milhões do Estado para revitalização do Eixo Monumental de Maringá

Compartilhe no WhatsApp

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta sexta-feira (11) o repasse, a fundo perdido, de R$ 20 milhões do Governo do Estado para as obras de revitalização do Eixo Monumental de Maringá, um trecho de dois quilômetros que liga a Praça da Catedral à Vila Olímpica. 

Ratinho Junior e o prefeito de Maringá, Ulisses Maia, assinaram a autorização para licitação da primeira etapa da obra, que vai contemplar três dos sete lotes previstos. O investimento é de R$ 50 milhões, com outros R$ 30 milhões da prefeitura. 

As obras do Eixo Monumental contemplam a Praça da Catedral, Praça Renato Celidônio, Avenida Getúlio Vargas (que será transformada em calçadão), Praça Raposo Tavares, estacionamento entre a Rua Joubert de Carvalho e Avenida Tamandaré, Praça Obelisco, travessa Jorge Amado (Mercadão) e a Vila Olímpica. 

Ratinho Junior destacou que Maringá já é referência para o Paraná e o Brasil em planejamento urbano e qualidade de vida. “Os que gestores fizeram aqui, ao longo dos anos, é o que queremos fazer em todo o Paraná. Pensar no planejamento a médio e longo prazo e melhorar a infraestrutura das nossas cidades para que as pessoas possam viver com qualidade”, disse. 

“Esta obra vai transformar e revitalizar o Centro de Maringá. É um projeto que o prefeito vem trabalhando com o seu time de engenheiros e arquitetos há um bom tempo e, sabendo da sua importância e grandiosidade, o Governo do Estado também entrou nessa parceria”, disse o governador. “Maringá já é considerada uma das melhores cidades para se viver no Brasil e agora vai ficar ainda mais moderna, com uma obra que vai melhorar a convivência entre as pessoas, fomentar o comércio, o turismo e a sustentabilidade”.

A área de intervenção soma 169 mil metros quadrados e busca melhorar a ocupação dos espaços públicos da cidade, fomentando o turismo, o comércio, o urbanismo e a convivência entre as pessoas. A obra prevê a reforma de ruas, calçadas, troca da iluminação e a instalação de uma série de equipamentos urbanos, como bancos e equipamentos de lazer. 

Nesta etapa, são contempladas as áreas no entorno da Catedral Metropolitana (trecho A), da Praça Renato Celidônio (trecho B) e da Vila Olímpica (trecho G). Os editais da licitação da primeira fase serão publicados em 16 de agosto e a abertura dos envelopes está prevista para 20 de setembro. Posteriormente, será publicada a licitação para revitalização dos outros espaços.

“Queremos iniciar a obra até o final do ano e, em aproximadamente três meses, devemos lançar o edital para a outra etapa, que tem um custo estimado de mais R$ 50 milhões”, explicou o prefeito. “É um projeto muito bem pensado no ponto de vista do planejamento urbano, privilegiando o pedestre e a convivência comunitária. As pessoas vão utilizar esse espaço para o lazer, a recreação e para a convivência social, além dele modernizar o Centro”.

PROJETO – Pelo projeto, desenvolvido por meio de um concurso público com a participação de arquitetos e urbanistas de todo o País, as Praças Renato Celidônio, que engloba o Centro Cívico de Maringá, e da Catedral se tornarão um Parque Urbano, com a ampliação dos espaços de conexão com a natureza. Além disso, o espaço contará com três bolsões de estacionamento, marquises para funcionamento de quiosques, parque infantil, fonte luminosa e uma área com anfiteatro a céu aberto para apresentações e contemplação.

Na outra ponta do projeto de revitalização fica a Vila Olímpica, que concentra equipamentos como o Estádio Willie Davids e o Ginásio Municipal, além de receber a Feira do Produtor três vezes por semana. No local, será feita a requalificação das calçadas e reorganização dos acessos de veículos existentes, beneficiando pedestres e ciclistas.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade os secretários estaduais do Planejamento, Guto Silva; e da Saúde, Beto Preto; os deputados federais Luís Nishimori e Sargento Fahur; os deputados estaduais Soldado Adriano José, Evandro Araújo e Do Carmo; o diretor-geral da Secretaria de Estado das Cidades, Márcio Marcolino; o subchefe da Casa Civil, Lúcio Mauro Tasso; os presidentes da Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep) e prefeito de Ângulo, Rogério Bernardo; e da Câmara Municipal de Maringá, Mário Hossokawa; o vice-prefeito de Maringá, Edson Scabora; e prefeitos da região.

Agência Estadual de Notícias

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

André Quiroga

Clique para ouvir

Noite de Queijos e Vinhos

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: