Colunistas Vanessa Bacon

O Papel do Arquiteto

papelarquiteto

Quando é lançado o desafio de elaborar um Projeto Arquitetônico à um profissional de arquitetura, é necessário analisar todas as condicionantes envolvidas, com suas deficiências e suas potencialidades, bem como o programa de necessidades apresentado pelo cliente.

Os condicionantes podem ser dos tipos: legais, físicos, climáticos e particulares. Condicionantes legais são relativos à localização e dimensão do terreno, assim como seu zoneamento, recuos mínimos, áreas e alturas a serem construídas. O perfil natural do terreno, a insolação, ventilação e temperaturas compõem os condicionantes físicos e climáticos.

Adicionalmente, os condicionantes particulares surgem da análise do entorno do terreno com a observação das influências das edificações vizinhas sobre o local. A presença de sombras em certos horários, a emissão de ruídos, a canalização de vento, assim como aspectos culturais e de uso público/ privado, entre outros.

FOTO 01

FOTO 02O programa de necessidades oferece um direcionamento no processo criativo do profissional, nele são identificados os pontos que devem ser atendidos, assim como anseios e desejos do cliente.

Cabe ao arquiteto examinar os dados que são fornecidos e buscar as particularidades do local, para assim a edificação estar de acordo com a analogia do cliente e também do local onde estará inserida.

FOTO 03FOTO 04O Escritório Espaço & Casa tem como ponto central arquitetar os espaços dos sonhos do cliente. Para que isso se torne real, é necessário que haja uma integração entre a equipe de profissionais e cliente, de modo a elaborar um programa de necessidades detalhado e exclusivo. Este programa de necessidade somado ás condicionantes do local, favorecem a criação de um projeto único, com a identidade do cliente e também com o seu entorno.

FOTO 05

VANESSA BACON – Arquiteta e Urbanista

ESCRITÓRIO ESPAÇO & CASA ARQUITETURA E INTERIORES

Rua Condor, 136 Centro Arapongas PR. Fone (43) 3276–5518

Facebook.com/espacoecasa

Os artigos assinados são de responsabilidade dos colunistas.