Sao Pedro do Ivaí

São Pedro do Ivaí busca parceria da Polpa Norte para desenvolver a cultura do Maracujá

Compartilhe no WhatsApp

Na última sexta-feira, dia 15, os secretários de Agricultura e de Agronegócios de São Pedro do Ivaí, o agrônomo, Adilson de Souza Costa e o técnico agrícola e biólogo, Maycon Marana, respectivamente, além do vereador Carlos Eduardo do Prado Martins, visitaram a fábrica da Polpa Norte, em Japurá.

A visita técnica teve como foco o potencial de implantação da cultura do maracujá no município. “O maracujá ocupa um lugar de destaque na fruticultura e é bastante consumido, tornando uma alternativa de diversificação com manejo simples e com boa rentabilidade. A ideia é fazer parceria com a Polpa Norte, para ter para quem entregar o produto”, destaca Adilson.

Durante o encontro, ficou evidente o interesse da empresa em adquirir produtos locais. “Eles têm interesse em tudo que produzimos aqui, então a partir de agora, vamos conversar com os produtores para implantar a cultura do maracujá em nosso município, como também estudar outras alternativas dentro da fruticultura”, afirma Marana.

Essa iniciativa representa uma oportunidade promissora para a agricultura local, já que a parceria com a Polpa Norte pode abrir novos mercados e incentivar o crescimento da fruticultura em São Pedro do Ivaí. “Os esforços são direcionados para envolver os produtores locais nesse processo e explorar todo o potencial desse empreendimento que pode trazer benefícios econômicos significativos para a comunidade”, descreve o vereador Carlos Eduardo “Carlota”.

Desenvolvimento no campo

Vale destacar que a diversificação de culturas para geração de renda e o incentivo à criação de agroindústrias e locais para turismo rural fazem parte do plano de governo da prefeita, Maria Regina Della Rosa Magri.

Ela e sua equipe observam que São Pedro do Ivaí e região possuem um potencial muito grande para fomentar a economia através do setor rural, mas ainda não houve um trabalho amplo de incentivo.

Para Regina, a busca por parcerias e as visitas técnicas são cruciais no processo de desenvolvimento dos projetos. “Traçamos um planejamento sustentável com a nossa equipe e o primeiro momento é de muito estudo e análise. Queremos realmente implementar alternativas que são possíveis de se desenvolver, para que possamos ter um resultado a médio prazo, gerando mais renda e oportunidades no campo. O maracujá é uma alternativa que queremos apostar, e quem sabe seja apenas o primeiro passo de muitos que transformarão nossa economia”, enaltece a prefeita.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Dia da Mulher

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: