Arapongas

Projeto “ Criança em casa, vamos aprender” reforça aprendizagem dos alunos dos CMEI’s

Compartilhe no WhatsApp

Ainda em período das aulas em casa – devido à pandemia da Covid-19, a Secretaria Municipal de Educação (Semed), através da Diretoria de Educação Infantil lançou recentemente o projeto “ Criança em casa, vamos aprender”, que busca contribuir com os estudos dos alunos atendidos pelos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI’s), levando maior interação para dentro de casa. A proposta oferece jogos pedagógicos que estimulam o processo de aprendizagem das crianças. E também, proporciona aos pais maneiras mais práticas e eficazes de atuação escolar neste período longe das salas de aula. Os materiais são divididos por faixas etárias e turmas (de 0 a 5 anos), e contam com jogos de estímulo; pré-alfabetização; reconhecimento de cores; higiene; musicalidade, contação de histórias; atividades sonoras e psicomotoras, alimentação, raciocínio lógico; desenvolvimento afetivo, cognitivo e emocional, entre outros. Levando diversos conceitos importantes para a primeira infância.

Conforme a diretora da Educação, Carla Tatiane Domingos da Costa, as atividades são entregues regulamente, junto com os PED’s – Planos de Estudos Dirigidos. “ Todo o material desse projeto é confeccionado pelos professores da educação infantil, que viram que essa seria uma forma ainda mais eficaz de estimular os pequenos alunos em casa, enquanto não retomamos para as salas de aula. É uma maneira de contribuir com o desenvolvimento das crianças, contando com a participação dos pais, que por sinal, tem sido muito efetiva. Tudo isso para que não haja uma defasagem no ensino”, explica.

A professora Dulcinei Garcia Miranda Migliorini – do Infantil IV, leciona no CMEI Primeiros Passos, do Jardim Caravelle, e se mostra entusiasmada com os resultados. “ Confeccionei jogos de cores, percepção visual, jogos de emoção através das cores. Ações lúdicas que funcionam muito no aprendizado dos nossos alunos. É uma ferramenta a mais, que garante uma educação de qualidade. Estamos sempre em contato com os pais, dando todo apoio e assistência”, frisou.

Para Adriana Cordeiro, mãe do Davi Lucca Cordeiro Fernandes, da turma infantil 5, as novas atividades ajudam nesse “novo normal”. “ As atividades diferenciadas vêm preencher os momentos de estudos em casa. Existe uma ansiedade para a volta à escola ou Cmei, e convívio com professores e amiguinhos. Por isso, é importante estarmos trabalhando bem em casa – com a apoio dos professores – para que a volta seja ainda mais incrível. Meu filho não está deixando de aprender”, disse.

Projeto “ Criança em casa, vamos aprender” atende 4.300 crianças da Educação Infantil, de 23 CMEI’s e mais 20 escolas que têm turmas do Infantil 5.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Aravel

JR Martelinho de Ouro

Atom Academia

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: