Apucarana

Programa de Aparelhos Ortodônticos da Prefeitura de Apucarana chega a 562 alunos atendidos

Compartilhe no WhatsApp

O Programa de Ortodontia da Prefeitura de Apucarana atingiu o marco de 562 alunos atendidos. A instalação de aparelhos ortodônticos em estudantes da rede municipal de ensino é feita de forma totalmente gratuita, com recursos municipais.

O tratamento de correção da posição dos dentes visa atender alunos de 9 a 11 anos das 36 escolas municipais e está sendo executado pela Autarquia Municipal de Saúde (AMS) por meio do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO).

Intensificado pelo trabalho de busca ativa em sala de aula pela equipe do CEO, o programa já chegou em 21 das 36 escolas municipais. O dentista Orlando Cesar Clebis destaca a qualidade do tratamento ortodôntico prestado aos alunos. “O material utilizado e as técnicas são exatamente iguais ao da rede particular. Intervindo na correção da arcada dentária, ocorre a melhora  das funções da fala e mastigação, bem como da estética. É muito recompensador testemunhar a alegria dos alunos e seus pais com o resultado no tratamento”, afirma o dentista.

“Apucarana é a única cidade do Brasil que oferece tratamento ortodôntico para alunos da rede municipal de ensino, custeado por um programa da prefeitura. Essa iniciativa não existe em outro lugar do Brasil”, observa o Clebis.

A aluna Zarah Rebeka Zanlorenzzi, 12 anos, iniciou o tratamento quando era aluna do 5º ano da Escola Municipal Gabriel de Lara. “Estou no final do tratamento e foi uma oportunidade única. Precisava desse atendimento porque sentia dor quando mastigava. Meus dentes agora estão lindos e ajudou também na minha autoestima”, avalia Zarah.

“Minha filha precisava deste tratamento. Tinha mordida cruzada e não tínhamos condições de pagar o tratamento num dentista particular. O atendimento foi maravilhoso e o resultado excelente”, acrescenta a mãe de Zarah, Andressa Xaiene.

Miguel Felipe Rosa, 11 anos, estudante do 5º ano da Escola Municipal José de Alencar, na Vila Reis, começou o tratamento neste ano e dá uma dimensão do alcance da iniciativa. “Dos 24 alunos da minha sala somente 3 não precisaram receber do atendimento ortodôntico. O programa está atendendo quase todos meus colegas. Isso é muito bom”, informa Miguel.

A mãe de Miguel, Ana Paula Carvalho, parabeniza a prefeitura pela iniciativa. “O tratamento bucal com aparelhos ortodônticos é uma atenção especial da administração municipal para nossas crianças e adolescentes. Agradeço ao prefeito em nome do meu filho e todos os alunos beneficiados”, diz Ana Paula.

O secretário municipal da saúde, Emídio Bachiega, lembra que o Programa de Ortodontia na rede municipal de ensino começou em 2020, mas teve que ser interrompido devido à pandemia. “A Autarquia Municipal de Saúde retomou o atendimento e só neste ano praticamente triplicou número de escolas beneficiadas. São 21 no momento, mas vamos chegar aos 36 estabelecimentos da rede municipal de ensino de nossa cidade”, afirma Bachiega.

O prefeito Junior da Femac afirma que o Programa de Ortodontia é dos orgulhos da administração municipal na área da saúde. “Trata-se de uma iniciativa colocada em prática na nossa gestão municipal. Queremos garantir a saúde bucal e um belo sorriso das nossas crianças”, destaca o prefeito.

O atendimento inclui a instalação do aparelho ortodôntico e a manutenção mensal (ajustes no aparelho), um acompanhamento padrão para que o tratamento tenha êxito.

Tudo começa nas escolas com a triagem dos alunos dentro da faixa etária de 9 e 11 anos, a cargo de dentistas com especialidade em ortodontia. Nesse momento é avaliado quem necessita do tratamento ortodôntico. O próximo passo é o envio de um comunicado aos pais solicitando a autorização para o filho realizar o procedimento odontológico.

Escolas beneficiadas pelo Programa de Ortodontia

Até o momento foram beneficiados alunos das escolas Marcos Freire, Osvaldo Santos Lima, Maria Madalena Coco, Plácido de Castro, José Brasil Camargo, Monsenhor Arnaldo Beltrami, Augusto Weyand, Humberto de Alencar Castelo Branco, Professor Bento Fernandes, Fábio Henrique, Fernando José Acosta, Albino Biacchi, Antonieta Lautenschlager, Edson Giacomini, Marilda Duarte Noli, Papa João XXIII, João Batista, José de Alencar, José Idésio Brianezi, Alcides Ramos, Juiz Luiz Fernando Araujo.

Pref. de Apucarana

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

André Quiroga

Clique para ouvir

Noite de Queijos e Vinhos

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: