Arapongas

Prefeitura de Arapongas realiza força-tarefa para recolher lixo descartado irregularmente e reforça para conscientização

Compartilhe no WhatsApp

Nos últimos dias, a Prefeitura de Arapongas, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Serviços Públicos e Meio Ambiente (Seaspma), tem executado uma força-tarefa para a retirada de lixo descartado irregularmente às margens de determinado trecho da PR-218 em Arapongas; sentido a Sabáudia. Infelizmente, o local é conhecido pelo frequente e grande acúmulo irregular de resíduos. “O município já tomou várias ações no sentido de inibir o referido descarte, mas ainda não conseguimos resolver o problema em definitivo. É importante a conscientização de toda a população. São locais proibidos para o descarte de lixo ”, diz o secretário da pasta, Renan Manoel Rodrigues. Ainda segundo ele, foram retirados quatro caminhões de lixos diversos; entre resíduos, lixo comum e outros materiais inservíveis. O mesmo serviço também foi executado em pontos específicos na região do Conjunto Nossa Senhora das Graças. Recorrência – A Seaspma apontou também outro fato lamentável. Esses locais têm tido alta recorrência de acúmulo irregular de lixo. “Para se ter uma ideia, na sexta-feira (18) nós fizemos a retirada de lixo na PR-218. No dia seguinte, já havia lixo jogado. As medidas cabíveis serão aplicadas aos autores deste tipo de prática”, falou Rodrigues.  Alerta – A Prefeitura de Arapongas reforça e chama a atenção sobre o descarte irregular de lixo. Tal procedimento, além de gerar impacto ambiental, também causa danos à saúde pública. Por isso o município conta com coleta regular para o lixo domiciliar e comercial, além da coleta seletiva, que visa o recolhimento de materiais que podem ser reciclados e previamente separados, tais como papéis, metais, vidros e plásticos.

Em casos de descarte de lixo e outras irregularidades, informações ou dúvidas, basta a população acionar a Guarda Ambiental através do 153 ou a Secretaria do Meio Ambiente pelo 3902-1194.

VOCÊ SABIA?

Segundo a Lei para Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/1998), a prática de descarte irregular de lixo pode levar à reclusão, detenção ou pagamento de multa. A penalidade varia conforme o tipo de dano causado pelo lançamento de resíduos (sólidos, líquidos ou gasosos), detritos ou óleos no ambiente.

 

 
 
 
 
Trecho da PR-218 com lixo jogado pela população

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Dia da Mulher

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: