Cambira Faxinal Jandaia do Sul

Prefeitos do Vale do Ivaí vão representar o PR em missão na ONU

Compartilhe no WhatsApp

Os prefeitos de Jandaia do Sul, Cambira, Faxinal e Jardim Alegre estarão em Genebra, na Suíça.

Quatro prefeitos do Vale do Ivaí vão compor uma missão técnica ao exterior, de 15 prefeitos que irão representar o Paraná em Genebra, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU). A comitiva é organizada pela Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e pelo governo do Estado, dentro de um convênio internacional que visa a formação de gestores públicos e a captação de recursos para ações de desenvolvimento sustentável.

Do Vale do Ivaí, estarão na comitiva os prefeitos de Jandaia do Sul, Lauro de Souza Silva Junior; de Jardim Alegre, José Roberto Furlan; de Faxinal, Ylson Álvaro Cantagallo e, de Cambira, Emerson Toledo Pires.

A comitiva de prefeitos vai a Genebra no final de Junho, para uma missão técnica de 5 dias, em mais uma ação do processo de aceleração de 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), nos 399 municípios do Estado. A ação é resultado do convênio, firmado recentemente em Dubai, nos Emirados Árabes, pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pela superintendente-geral de Desenvolvimento Econômico e Social do Estado, Keli Guimarães e pelo diretor-executivo da Unitar (entidade que integra o sistema da ONU), Nikhil Seth.

Na prática, a missão é o início do Programa Universidade dos Prefeitos, que prevê uma série de benefícios viabilizados para as cidades e prefeitos, no contexto de qualificação dos gestores municipais.

O prefeito de Cambira, Emerson Toledo Pires, diz que essa é uma oportunidade única de conhecimento para o desenvolvimento Regional. “Sou Grato a equipe do Governo Estado e a AMP pelo convite em estar representando os municípios do nosso Estado”, disse. Para ele, não há dúvidas de que o programa vai trazer benefícios para o Paraná e para as cidades do Vale do Ivaí. “É uma oportunidade para captação de recursos, busca de tecnologia e de inovação. O feedback é muito grande por conta do contato com lideranças do mundo todo, dentro de uma visão de sustentabilidade”. Ele está particularmente interessado na apresentação de três projetos financiados pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, estimulando espaços criativos e cidades engenhosas com ações integradas. “Este projeto visa desenvolver a próxima geração”, comenta, lembrando que esse trabalho vai continuar por 1 ano após esse fórum, em Genebra.

Já o prefeito de Jardim Alegre, José Roberto Furlan diz que será momento importante de mostrar o potencial de desenvolvimento do Vale do Ivaí e de conhecer as prioridades dos potenciais parceiros ligados ao programa. Furlan se mostra particularmente interessado nas ações no contexto das energias renováveis. Ele destaca que em Jardim Alegre a administração já conseguiu economizar mais de R$ 1 milhão em 4 anos, ao promover a troca de lâmpadas tradicionais pelas de tecnologia LED na rede pública, e também pelo uso de sistema fotovoltaico, com a instalação de uma mini usina local. A prefeitura já está articulando para instalar uma segunda usina do gênero. “A energia sustentável e renovável são o futuro de nossas cidades, de nossa sociedade. E o Vale do Ivaí tem todo um potencial ainda a ser desbravado, como o próprio Rio Ivaí. Precisamos estudar as possibilidades, conhecer as tecnologias e alternativas para encontrar nossos caminhos de desenvolvimento sustentável”, diz. “Imagine se faltar energia. Imagine o tamanho do impacto disso para todos”, justifica.

Júnior Weiller, prefeito de Jesuítas e presidente da AMP, ressalta que a missão é de caráter exclusivamente técnico. Ele assinala que o Paraná é o Estado mais sustentável do Brasil, o que comprova o compromisso com os 17 ODS e reforça a importância da viagem. “Será uma missão exclusivamente técnica e de trabalho muito importante, voltada a prefeitos e prefeitas, que visa a sua capacitação e a captação de recursos para os municípios. Temos que encarar esta missão com muito orgulho porque vamos representar nosso Estado. Por isso, é fundamental a participação”, disse.

Para governo, Universidade dos prefeitos acelera desenvolvimento sustentável

Para o Governo do Estado, a Universidade dos Prefeitos visa ampliar a integração entre Estado e municípios com foco em estimular e acelerar mecanismos de implementação e acompanhamento local da Agenda 2030 e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Paraná.

A ação é coordenada pela Superintendência Geral de Desenvolvimento Econômico e Social (SGDES), órgão vinculado à Casa Civil, e busca capacitar lideranças dos municípios paranaenses por meio de um curso híbrido (online e presencial), com apoio de plataforma desenvolvida pelo Instituto das Nações Unidas para Formação e Pesquisa (Unitar) e pela Organização Mundial da Família (WFO).

O lançamento oficial da plataforma de conhecimento, com apresentação da aula magna, será entre os dias 28 e 30 de junho, na sede das Organizações das Nações Unidas (ONU), em Genebra, na Suíça, e contará com a presença de 40 líderes municipais do Estado e da Associação dos Municípios do Paraná (AMP).

O projeto é resultado de um memorando de entendimento assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior nos Emirados Árabes, durante a Semana do Paraná, evento simultâneo à Expo Dubai, em outubro do ano passado.

A Universidade dos Prefeitos trabalha com diferentes vertentes, atuando na capacitação em gestão municipal, na elaboração de projetos para a obtenção de recursos internacionais a fundo perdido e no repasse de informações atualizadas sobre projetos de organismos como o Fundo de Emergência Internacional das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT), entre outros.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) compõem a Agenda 2030 – uma agenda de desenvolvimento proposta pela ONU em 2015 para guiar boas práticas dos países para os próximos 15 anos. Ela integra 17 objetivos, entre eles a erradicação da pobreza, igualdade de gênero, energia renovável, educação de qualidade, crescimento econômico. A proposta é que sociedade, empresas e governo atuem juntos para cumprir os objetivos.

Informações: TNonline  

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Tonél Decor

Vendo ou Troco Apartamento

Kombucha da Si – Clique Vídeo

Fala Aí – 87,9 FM

JR Martelinho de Ouro

Costelada Grande Parada

Açucaradus

Atom Academia

Cursos Gratuitos

Clique na Imagem p/Ampliar

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: