Paraná em Notícias

Pavimentação, complexo esportivo e 50 moradias populares transformam a vida de Marumbi

Compartilhe no WhatsApp

A angústia de não ter um local seguro e definitivo para morar não é mais um problema na vida de 50 famílias de Marumbi, no Vale do Ivaí. O grupo concretizou nesta quinta-feira (21) o sonho da casa própria. E o que é melhor: sem precisar pagar nada por isso, beneficiados por um projeto habitacional do Governo do Estado que aportou R$ 3,183 milhões para subsidiar integralmente o valor dos imóveis.

Também foram entregues as obras de pavimentação da Avenida Tiradentes e do complexo esportivo do estádio municipal, além de um veículo sedan e de um trator agrícola, perfazendo mais R$ 1,78 milhão em investimentos.

Os novos moradores receberam as chaves das mãos do governador Carlos Massa Ratinho Junior, que destacou a prioridade com que o setor habitacional tem sido tratado pelo Estado desde 2019. “É uma alegria e satisfação entregar casas próprias, ajudar a construir o sonho das pessoas. A casa é a grande segurança de uma família. Desde antes de me tornar governador já pensava em um projeto ambicioso de moradias populares e agora estou podendo tirar do papel”, afirmou.

Estado garante subsídios para facilitar casa própria a 198 famílias de Maringá
Ratinho Junior lembrou que o Paraná tem atualmente o maior programa habitacional do País. Reforçou que somente pelo projeto Casa Fácil, em que o Governo do Estado subsidia a entrada do imóvel para pessoas que recebem até três salários mínimos, 30 mil moradias serão entregues nos próximos meses.

“Esses recursos são fruto da política implantada no Estado de diminuir a máquina pública e cortar qualquer tipo de mordomia. Assim, sobra dinheiro para aplicar naquilo que é mais essencial para as pessoas”, disse.

Os recursos para a execução das obras foram financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) por meio dos programas Nossa Gente, da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), e Casa Fácil, da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar). Os beneficiados foram escolhidos entre aqueles já atendidos por programas assistenciais no município, todos com renda mensal familiar de até dois salários mínimos.

Bairro de 683 casas e condomínio para idosos vão transformar Arapongas
Governador entrega títulos e libera pavimentação da área industrial de Irati
O trabalho estadual envolveu a elaboração do projeto, contratação da construtora via licitação e fiscalização das obras pela Cohapar. A Copel também fez a instalação subsidiada das redes de energia e padrões de ligação elétrica das casas sem custo aos moradores.

“O Nossa Gente é um programa fantástico porque ajuda famílias das linhas mais baixas da pobreza. O Estado doa as casas para essa população como forma de resgatar a dignidade, ajuda a mudarem de vida”, ressaltou o presidente da Cohapar, Jorge Lange.
À administração municipal coube a escolha da área onde o conjunto residencial foi construído, além da execução de obras de drenagem, galerias de águas pluviais, redes de distribuição de água e coletora de esgoto e iluminação pública. A Prefeitura de Marumbi também promoveu reuniões periódicas para acompanhamento social das famílias atendidas em conjunto com técnicos da Sejuf e Cohapar.

“Essa é a primeira etapa. Seguimos com outras obras para garantir moradias de qualidade para os moradores de Marumbi. Atualmente, quase metade das casas da cidade tem a assinatura da Cohapar”, ressaltou o prefeito da cidade, Adhemar Francisco Rejani.

EMPREENDIMENTO – O Residencial Vereador Edgar Ferreira foi construído em uma área totalmente integrada à malha urbana de Marumbi, próxima à sede da prefeitura, mercados, farmácias, praças e de uma unidade do programa Meu Campinho, que oferece estrutura para a prática de esportes e lazer de forma gratuita.

As casas possuem 32 metros quadrados, com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço externa. O projeto arquitetônico e o tamanho dos lotes foram planejados para permitir que os proprietários façam futuras ampliações de maneira simples e fácil.

BALANÇO – Com a finalização do projeto de Marumbi, já são 796 casas entregues de graça a famílias paranaenses em situação de vulnerabilidade social pelos programas Nossa Gente e Casa Fácil. Somadas às 706 unidades que estão em construção, os projetos já receberam R$ 109 milhões de investimento do Governo do Estado.

“Meu avô foi pedreiro aqui em Marumbi e ajudou a construir a igreja matriz. Agora eu estou aqui como governador para entregar casas para as pessoas. É um sonho que se concretiza”, afirmou Ratinho Junior.

A pensionista Rita Ferreira Lopes entregava no olhar a satisfação pelo sonho realizado. Aos 67 anos, pela primeira vez na vida, poderá dizer com todas as letras que tem uma casa própria. “Esperei por muitos anos. Agradeço muito por esse presente”, contou. Ela vai dividir a residência de tom claro com a neta de 18 anos.

Já a dona de casa Carina Ramos Pereira, de 30 anos, fazia as contas da economia que fará mensalmente ao deixar o aluguel. “São R$ 450 por mês que poderei gastar com os meus filhos”, disse ela, apontando para trio de 8, 6 e 2 anos. “É para o futuro deles”.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Pedal Solidário – Prado Ferreira

Fala Aí – 87,9 FM

Está chegando em Arapongas

JR Martelinho de Ouro

Eudora – Isabela (43)99930-7585

Atom Academia

Clique na Imagem p/Ampliar

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: