Geral

Parceria entre UEL e Amepar vai viabilizar iniciativa para auxiliar projetos de engenharia em pequenos municípios da região

Compartilhe no WhatsApp

17 cidades com menos de 30 mil habitantes vão ser beneficiadas com ação, que deve ter início no primeiro semestre de 2022.

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) firmou um convênio com a Associação dos Municípios do Médio Paranapanema (Amepar), na última sexta-feira, para a elaboração de ações que auxiliem cidades da região em projetos de engenharia, além de melhorias para o Hospital Veterinário.

Os recursos, que somam R$ 962 mil, são frutos da parceria com a Superintendência Geral de Ciência Tecnologia e Ensino Superior (Seti), o Paranacidade e a Amepar. Para o desenvolvimento do Projetek, nome dado ao escritório de projetos de engenharia e arquitetura, o investimento é de aproximadamente R$ 662 mil.

A maior parte deste montante vai ser utilizada para despesas, como bolsas de auxílio aos participantes. Cerca de R$ 150 mil vão ser investidos em softwares, adequações nos espaços e demais equipamentos.

O presidente da Amepar Sérgio Onofre, prefeito de Arapongas, afirma que a parceria com a UEL vai contribuir para fortalecer toda a região dando suporte às prefeituras, em especial, das pequenas cidades que não contam com equipes próprias pra poder desenvolver estes projetos. As atividades estão previstas para ter início no primeiro semestre do ano que vem.

Gerson Marcato, prefeito de Jaguapitã, município com aproximadamente 18 mil habitantes, destaca a importância da iniciativa para os pequenos centros. De acordo com ele, o projeto vai facilitar, inclusive, a liberação de mais investimentos. Ao todo, 17 cidades, com menos de 30 mil moradores, como Porecatu, Tamarana e Centenário do Sul, vão ser beneficiadas pelo projeto.

O secretário da Casa Civil Guto Silva, que esteve na cerimônia de assinatura do convênio, ressaltou que os impactos do projeto também devem se refletir positivamente na geração de empregos na região.

Outra ação que vai ser possível a partir do acordo entre a UEL e a Amepar é a execução de melhorias no Hospital Veterinário, que presta um serviço direto a população. Para este projeto, devem ser destinados R$ 300 mil. O vice-reitor da UEL Décio Sabatini considera que a ação reforça a importância da participação da universidade na vida da população.

De acordo com dados divulgados pelo HV, só em 2019, a clínica fez quase 70 mil exames. A instituição também realizou mais de 17 mil consultas e 1.626 cirurgias ao longo do período.

Por Victor Assis
CBN

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

#Partiu Cinema

JR Martelinho de Ouro

Parabéns Arapongas

Jacovós – Parabéns Arapongas

Eudora – Isabela (43)99930-7585

Atom Academia

Clique na Imagem p/Ampliar

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: