Ocorrência Policial

Mais de 350 pessoas são abordadas em fiscalização do toque de recolher

Compartilhe no WhatsApp

Com medidas restritivas que suspenderam atividades e passaram a valer desde sexta-feira (26) até o dia 8 de março, a Polícia Militar, de Apucarana, reforçou a fiscalização pelas ruas com a “Operação Vida”. A ação de acordo com a PM, Gabriella Picanço Xavier, tem como objetivo de diminuir os índices de homicídios, feminicídios, com a presença real da Polícia Militar nas ruas.

“Foi bem tranquilo com relação às ocorrências durante esse final de semana. As equipes em um primeiro momento, orienta as pessoas e se a orientação for acatada é registrada apenas um boletim de ocorrência. Caso a ordem não seja acatada, os envolvidos são encaminhados até o cartório do 10º BPM e emitida uma multa”, afirma.

Ao todo, foram fiscalizados e abordados 33 estabelecimentos, 1 estabelecimento notificado, 214 pessoas abordadas, além de 22 veículos vistoriados pela equipe policial. Além da PM, participaram da “Operação Vida”, a equipe da Guarda Civil Municipal, e órgãos de fiscalização da Prefeitura Municipal. Em Jandaia do Sul, a Operação contou com o apoio do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Prefeitura Municipal.

Em Arapongas, a Guarda Municipal e a Polícia Militar, intensificaram as fiscalizações e averiguações de denúncias. Conforme repassado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Trânsito (Sestran), apenas no sábado (27), foram 31 denúncias de estabelecimentos que descumpriam o decreto estadual, além de 150 pessoas abordadas, 42 veículos vistoriados e nenhuma notificação

As equipes foram acionadas em cada um dos estabelecimentos, considerados não essenciais, e deram orientações para o fechamento. “Durante do dia tivemos muitas denúncias nesse sentido. Esses locais atenderam as orientações tanto da GM como da PM, e de imediato fecharam às portas. Nossa atuação permanece no decorrer dos próximos dias”, afirma o secretário da Segurança, Paulo Argati.

Além disso Argati, acredita que as pessoas estão aderindo e respeitando o fechamento das empresas. “A gente vê que algumas pessoas não estão aderindo por falta de orientação e conhecimento, mas a gente vê que está indo bem”, explica.  

De acordo com o comandante da 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (7ª CIPM),  major Humberto Cavalcante, por toda a cidade a “Operação Vida”, cuja finalidade é ampliar a fiscalização com vistas a atender os decretos governamental e municipal sobre as medidas necessárias contra a Covid-19, devem contar também com a colaboração da população. “ Estamos nas Ruas fazendo valer o decreto estadual, sobretudo, nesse período nesses nove dias. Vale lembrar que estamos precisando da união de todos nesse momento, esperamos que tudo volte à normalidade o mais rápido possível”, incluiu.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Aravel

JR Martelinho de Ouro

Dia das Mães

Depilação a Laser Crystal 3D

Atom Academia

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: