Eleições 2022 Notícias Geral Paraná

Lei Seca: Paraná proíbe venda e consumo de bebidas alcoólicas das 8h às 18h de domingo (2)

Compartilhe no WhatsApp

Anúncio foi feito pelo secretário estadual de Segurança Pública, Wagner Mesquita, nesta terça-feira (27). Em coletiva, presidente do TRE-PR também reforçou compromisso de ‘fazer com que a vontade do eleitor seja respeitada’.

O Paraná determinou a proibição da venda e consumo de bebidas alcoólicas em locais públicos entre 8h e 18h de domingo (2), quando ocorre o primeiro turno das eleições gerais deste ano. O anúncio foi feito pelo secretário estadual de Segurança Pública, Wagner Mesquita, nesta terça-feira (27).
A adoção de uma “Lei Seca” é facultativa e definida com autonomia por cada unidade da federação.
“Essa é uma medida preventiva, por óbvio, para manter a ordem e o bom andamento dos trabalhos no dia da eleição. É uma medida que poderia até ser prolongada mas está sendo tomada de forma muito comedida. […] Medida de bom senso, dentro de um limite de bom senso”, ressaltou o secretário.
 
Nas eleições municipais de 2020, o período de abrangência da restrição foi maior, das 5h às 17h.
Durante sua fala, o secretário também exaltou o domingo como “festa da democracia” no estado e disse que as forças de segurança esperam uma votação “tranquila, ordeira e pacífica”.
Mesquita ainda falou sobre a obrigação de deixar o celular em um recipiente ao lado da cabine de votação, além da restrição do porte de arma apenas para policiais em serviço.

Compromisso
 
Durante a coletiva desta terça, o presidente do TRE-PR, desembargador Wellington Emanuel Coimbra de Moura, reforçou a defesa do processo eleitoral democrático.
 
“Nosso compromisso é fazer com que a vontade do eleitor seja respeitada. […] Sempre digo que na eleição, o verdadeiro protagonista é o eleitor. E o eleitor, evidentemente, para que nós possamos uma democracia madura, ele assim deve ser tratado, como protagonista. Não é o Judiciário, não é o Legislativo, o Executivo. É o nosso eleitor. É ele quem deve definir quem é o melhor representante para falar no seu nome”, afirmou.
Coimbra ainda confirmou a contratação de uma empresa particular para atuar nos 186 cartórios eleitorais do Paraná. Esta é a primeira vez que isso vai ocorrer no estado.

Informações: G1

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Dia da Mulher

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: