Notícias Geral

Hematomas que surgem ‘do nada’ indicam que algo não vai bem

Compartilhe no WhatsApp

Após procedimentos estéticos, cirurgias ou pancadas, é comum o surgimento de marcas roxas na pele do local afetado. Essas marcas arroxeadas são conhecidas como hematomas e ocorrem quando o sangue que circula dentro de veias e artérias deixa o interior desses vasos sanguíneos devido a algum tipo de trauma e acumula-se em outras partes do corpo, como sob a pele, em torno dos olhos ou até mesmo dentro de órgãos importantes, deixando assim de exercer sua função.

O aparecimento dessas alterações é tão corriqueiro que, muitas vezes, acabam passando despercebidas. Porém, é preciso ficar atento a essas marcas, pois o hematoma, dependendo de sua gravidade, ou seja, conforme seu local e tamanho, pode comprometer o bom funcionamento de outros órgãos.

Hematomas que aparecem sem motivo aparente podem ser perigosos
Os hematomas que observamos na pele após pancadas ou coletas de sangue, por exemplo, são formados pelo sangue que extravasa de pequenos vasos sanguíneos e não apresentam riscos à saúde, pois, geralmente, são pequenos, restritos ao local do trauma e deixam de crescer sozinhos, já que ocorre a coagulação.

Normalmente, esse sangue que deixou os vasos desaparece depois de alguns dias, quando é completamente absorvido pelas células de defesa do organismo. Essa reabsorção envolve uma série de reações químicas que modificam a cor do sangue e de seus metabólitos, o que explica o porquê de os hematomas clarearem com o tempo.

Mas se os hematomas começam a surgir espontaneamente em vários locais do corpo, sem que necessariamente tenha ocorrido um trauma na região, é preciso começar a se preocupar, pois podem significar que as plaquetas ou os fatores de coagulação do sangue estão alterados.

Fique atento aos sintomas
Além disso, se junto aos hematomas ocorrerem sangramentos em outras partes do corpo, como gengiva e nariz, assim como febre, fraqueza ou perda de peso, o ideal é procurar um médico.

O médico, para determinar se o hematoma realmente representa algum risco, realizará uma avaliação, levando em consideração também fatores como o histórico do paciente, pois algumas pessoas apresentam uma tendência maior a formarem hematomas, e se ele faz uso de medicamentos como aspirina, que também aumentam a chance de formação de hematomas, visto que tornam o sangue mais líquido.

Além das causas citadas acima, os hematomas espontâneos podem também indicar doenças ainda mais sérias, como leucemia aguda (um tipo de câncer que leva à produção anormal de células sanguíneas), aplasia de medula (quando há uma produção menor de células do sangue) e outras doenças infecciosas, incluindo dengue e febre amarela.

Algumas dessas doenças, como as leucemias agudas, são muito graves e devem ser diagnosticadas o quanto antes, para início imediato do tratamento. Por isso, ao perceber o surgimento aleatório de hematomas, o recomendado é que você consulte um médico assim que possível. Apenas ele poderá diagnosticar o problema corretamente e recomendar a melhor conduta para o tratamento de cada caso.

Fonte: Aline Lamaita, angiologista e cirurgiã vascular

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Comunicado Aravel

Contato – (43)99916-6212 – Simone

Depilação a Laser Crystal 3D

Atom Academia

Show com Ney Faccio

Rádio Gospel Hits

Ricky money money _A primeira vez

Jornal Edição de Notícias

× Fale Conosco - Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: