Apucarana

EM SESSÃO ORDINÁRIA, CÂMARA DE APUCARANA APROVA 28 PROJETOS DE LEI E REQUERIMENTO

Compartilhe no WhatsApp

ROJETOS SÃO DE AUTORIA DO EXECUTIVO MUNICIPAL E REQUERIMENTO DO VEREADOR POIM, ASSINADO POR TODOS VEREADORES E VEREADORA.
Na quarta semana de junho, a Câmara Municipal de Apucarana reuniu- se para a realização da 18ª Sessão Ordinária. As sessões estão sendo realizadas apenas com a presença dos vereadores, vereadora e servidores escalados para trabalharem. A presença da comunidade em plenário continua restrita em função da pandemia. Nos últimos três dias (20, 21 e 22/06), Apucarana confirmou 30 novos casos de Coronavírus.

Presidida pelo professor Molina, a sessão além da votação, teve o pequeno expediente. “Tivemos uma votação tranquila com todos os projetos e requerimentos da pauta aprovados por unanimidade dos vereadores e vereadora. Votamos em segunda votação o projeto que concede benefícios aos produtores rurais que participam do Programa Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável de Apucarana. No total foram beneficiados 26 produtores rurais”, destaca o presidente Molina.

Em primeira votação foi aprovado o projeto do Executivo que autoriza a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 600 mil. O valor será destinado ao Idepplan com o intuito de reforçar a dotação orçamentária nas despesas com pessoal. Segundo justificativa do prefeito Junior da Femac, em razão das nomeações dos aprovados no concurso para o cargo de Agente de Trânsito, necessário se faz a readequação orçamentária do Instituto, inerente às despesas de vencimentos e obrigações patronais.

Também foi aprovado o projeto que referenda o Termo de Cessão de uso de Espaço Físico de seis salas cedidas pelo Municipio de Apucarana para instalação da Defensoria Pública do Paraná, visando propiciar melhores condições de atendimento aos munícipes.

REQUERIMENTO

Em votação única foi aprovado o requerimento de autoria do vereador Poim, que pede informações ao prefeito Junior da Femac sobre a viabilidade da construção de uma rotatória no entroncamento da Avenida Governador Roberto da Silveira com as ruas Rio Bom, Arnaldo Ramos Leomil e Paulo V. de Oliveira Damas, na entrada principal do Núcleo Habitacional Papa João Paulo I. “Justificamos o pedido em função do grande e intenso fluxo de veículos no local, e o acesso dos veículos torna-se muito perigoso, sendo que já ocorreram acidentes na proximidades. Recentemente tivemos a inauguração de um grande supermercado e isso aumentou ainda mais o número de carros, por isso, pedimos que o prefeito de uma olhada nesse quadro e se possível pense na construção dessa rotatória”, disse Poim, que teve a assinatura de outros vereadores no requerimento.

Molicenter – Ofertas até 05/07

Três obras para mudar parte do centro de Arapongas

Contato – (43)99916-6212 – Simone

Honpar

Atom Academia

Restaurante Facchiano

Famintu’s Pet

Boca no Trombone Arapongas

Rádio Gospel Hits

Canal André Silva

Jornal Edição de Notícias