Arapongas

Capacitação sobre saúde mental reúne mais de 400 profissionais em Arapongas

Compartilhe no WhatsApp

O mês de setembro marca e enfatiza importantes ações de conscientização e prevenção do suicídio através da Campanha Setembro Amarelo. Neste sentido, a Prefeitura Municipal, por meio do Núcleo de Educação Permanente de Arapongas (NEPA), realizou na última quarta-feira, 12, uma capacitação sobre “Saúde Mental”, no Cine Teatro Mauá. Dentro deste contexto, o encontro abordou dois aspectos importantes: o primeiro deles, a prevenção e combate ao suicídio, com uma palestra ministrada pelo presidente da Associação Paranaense de Psiquiatria, Dr. Júlio Dutra. Já o segundo, trouxe à tona questões jurídicas relacionadas aos pacientes psiquiátricos, abordada pelo secretário municipal de Governo e também advogado, Dr. Rafael Cita. O evento reuniu mais de 400 participantes. Segundo o superintendente médico do município, Dr. Fernando Marques, são atividades voltadas para ampliar a qualidade no  atendimento em Arapongas. “Abrimos espaço para a participação dos profissionais da rede de Saúde do município, mas também para os profissionais da educação. Ampliando discussões importantes para chegar mais perto das pessoas que necessitam de ajuda”, falou. De acordo com o secretário de Governo, Cita, foram abordadas questões jurídicas sobre saúde mental sob a perspectiva do serviço público municipal. “ A principal questão foi os avanços da legislação nos últimos anos, sobretudo, quanto à proteção dos direitos do paciente psiquiátrico, além das responsabilidades e obrigações dos profissionais de saúde segundo a Lei”, salientou. O secretário de Saúde, Moacir Paludetto Jr, também reforçou sobre a rede municipal especializada em saúde mental – voltada ao atendimento psicossocial da população, como o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II), CAPS AD, além da construção do CAPS i; direcionado para as crianças e adolescentes.  “O município conta com todos esses atendimentos. E queremos sempre avançar. São questões importantes e urgentes que têm a nossa atenção”, frisou.

O encontro integrou o 5º ciclo de capacitações médicas do município, certificando todos os participantes por meio do Núcleo de Educação Permanente de Arapongas (NEPA).

Você sabia?

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), todos os anos, mais pessoas morrem como resultado de suicídio do que HIV, malária ou câncer de mama. No Paraná, a Divisão de Saúde Mental (DVSAM) elaborou, em parceria com a Escola de Saúde Pública do Paraná (ESPP), um Curso de Prevenção do Suicídio, na modalidade Ensino a Distância (Ead). O curso, com duração de 65 horas, está disponibilizado para todo o Brasil com apoio do Ministério da Saúde. É gratuito, voltado aos profissionais de saúde e também da Rede Intersetorial (assistência social, educação, entre outros).

Por meio das 22 Regionais de Saúde, que atuam em todos os municípios, a Secretaria também distribuirá material informativo sobre medidas preventivas, além de promover mobilizações sobre o tema.

ONDE TAMBÉM BUSCAR AJUDA – A orientação é buscar o CVV – Centro de Valorização da Vida, pelo 188 ou http://www.cvv.org.br/, serviços de urgência (192), pronto atendimentos, Unidades Básicas de Saúde e CAPS, e a Ouvidoria-Geral da Saúde, no 0800 644 44 14.

Dados: Sesa

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Dia da Mulher

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: