Início » Apucarana promove formação continuada de professores em alusão ao Dia da Consciência Negra
Apucarana

Apucarana promove formação continuada de professores em alusão ao Dia da Consciência Negra

Compartilhe no WhatsApp

A Prefeitura de Apucarana, por meio da Autarquia Municipal de Educação (AME) e da Secretaria Municipal da Promoção Artística, Cultural e Turística (Promatur), promoveu mais uma formação continuada aos diretores, coordenadores e professores dos 24 centros infantis (CMEIs) e das 36 escolas da sua rede. Na noite de ontem (20/11), no Centro Cultural Fênix, em alusão ao Dia Nacional da Consciência Negra, os profissionais assistiram à palestra “Educação das relações étnico-raciais: os desafios das desconstruções das práticas racistas e os impactos pedagógicos no cotidiano escolar”.

O prefeito Junior da Femac destacou que a valorização da diversidade racial é prioridade na sua gestão. “Apucarana foi colonizada por diversos povos, como ucranianos, japoneses, portugueses, italianos, alemães e libaneses, que vieram para cá em busca de uma vida melhor. Atualmente, o município também tem recebido muitos imigrantes provenientes do Haiti, da Venezuela, da Colômbia e do Paraguai. A população apucaranense tem a característica de ser acolhedora. Todas as pessoas têm os mesmos direitos e devem ser respeitadas e valorizadas, independentemente da raça, do gênero, da religião ou da cor da pele. O preconceito, o racismo e a xenofobia não cabem na nossa sociedade,” disse.

Dra. Adevanir Aparecida Pinheiro, pesquisadora do Laboratório de Cultura e Estudos Afro-Brasileiros, da Universidade Estadual de Londrina (UEL), ministrou a palestra aos profissionais da rede municipal de educação de Apucarana. “A Dra. Adevanir é uma das maiores referências sobre o tema na região. Na noite de ontem, ela nos mostrou como o racismo pode estar incrustado em atitudes do nosso dia-a-dia, que muitas vezes consideramos normais. A educação é o principal instrumento que temos para conscientizar a população e construir uma sociedade justa e igualitária para todos,” acrescentou a secretária Marli Fernandes.

De acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 10,6% dos brasileiros se declararam pretos e 45,3%, pardos em 2022.

Instituído pela Lei Federal nº 12.519/2011, o Dia Nacional da Consciência Negra (20 de novembro) faz referência à morte de Zumbi dos Palmares, líder quilombola e símbolo da resistência negra à escravidão, em 1695.

Acompanharam também a palestra, ontem (20/11), no Centro Cultural Fênix, os vereadores Mário Felippe e Tiago Cordeiro de Lima, os membros do Movimento Apucaranense da Consciência Negra (Macone), Carlos Figueiredo e Paulo Pesce, os secretários municipais Jossuela Pirelli (Assistência Social), Gerson Canuto (Agricultura) e Edson Estrope (Indústria e Comércio), o diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan), Ivanildo da Silva, o diretor-presidente da Autarquia Municipal de Serviços Funerários, José Airton Deco de Araújo, e a superintendente da Secretaria Municipal da Mulher e Assuntos da Família, Bete Berton.

Pref. de Apucarana

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Clique para ampliar

Kombucha da Si – Clique Vídeo

JR Martelinho de Ouro

André Quiroga

Clique para ouvir

Noite de Queijos e Vinhos

Jornal Edição de Notícias

Resumo de Notícias Mensal

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: