Paraná em Notícias

2,5 milhões de pessoas completaram a imunização contra a Covid-19 no Paraná

Vacinação contra a Covid-19 em São José dos Pinhais, durante o fim de semana - São José dos Pinhais, 17/07/2021 - Foto: José Fernando Ogura/AEN
Compartilhe no WhatsApp

Paraná chegou neste fim de semana à marca de 2,5 milhões de pessoas completamente imunizadas contra a Covid-19. Até a manhã deste domingo, 2.501.395 de paranaenses tinham recebido as duas doses da vacina ou o imunizante de dose única, número que representa 28,7% da população adulta do Estado.

Quinto estado com o maior número de doses aplicadas, o Paraná está cada vez mais próximo de cumprir a meta e chegar ao final do mês com 80% do público adulto vacinado com pelo menos uma dose, e 100% até o fim de setembro. Ao fim da primeira semana de agosto, esse índice já estava em 73,7%, com a vacina aplicada em 6.424.918 de pessoas. Considerando toda a população paranaense, 55,8% foram vacinados.

“É uma alegria ver a vacinação avançar e ampliar cada vez mais a cobertura. Quando bastante gente é vacinada, criamos um escudo de proteção imunológico, diminuindo a circulação do vírus e com menos pessoas acometidas pelas formas mais graves da doença”, afirma o secretário estadual da Saúde, Beto Preto. “Porém, mesmo vacinados, não podemos deixar os cuidados de lado. O uso de máscaras, distanciamento social e higiene das mãos ainda são imprescindíveis”, diz.

GRUPOS – Em alguns grupos e faixas etárias, a proporção de indivíduos que já atingiram o ciclo completo de imunização está próxima da totalidade: 100% dos trabalhadores da saúde e 86,9% da população indígena paranaense receberam a segunda ou a dose única.

A cobertura vacinal também é elevada entre os idosos, com 99,8% das pessoas com idade entre 70 e 74 anos completamente imunizadas; 99,6% dos 75 aos 79 anos; 98,2% entre 65 e 69 anos; 93,2% dos que têm 80 anos ou mais; e 81,2% na faixa dos 60 aos 64 anos.

Há um grande avanço na vacinação da população geral, com idade entre 18 aos 59 anos e que não está em algum grupo prioritário. Em números absolutos, 2.743.857 doses foram aplicadas nesse público, incluindo D1, D2 e dose única (DU).

Também foram aplicadas 935.606 doses nas pessoas com idade entre 60 e 64 anos; 830.868 dos 65 aos 69 anos; 618.992 em pessoas com comorbidade; 447.033 em pessoas com mais de 80 anos; 412.907 dos 75 aos 79 anos; 83.726 em gestantes; 69.255 em idosos institucionalizados; 55.691 em pessoas com deficiência permanente; 29.629 na população privada de liberdade; 19.270 em indígenas; 18.377 em puérperas; 8.854 em quilombolas; 4.903 na população em situação de rua; 4.030 em pessoas com deficiência institucionalizadas; 2.887 em ribeirinhos;

Entre as categorias profissionais, foram administradas 806.472 doses nos trabalhadores da saúde; 243.313 em profissionais do ensino básico; 92.167 em caminhoneiros (88,5% DU); 36.850 nas forças de segurança e salvamento; 35.364 em profissionais do ensino superior; 18.683 em portuários; 16.486 em trabalhadores do transporte coletivo (84,6% DU); 16.012 em trabalhadores da limpeza; 10.512 nas Forças Armadas; 7.659 em trabalhadores industriais; 4.822 em funcionários do sistema penitenciário; 4.320 em trabalhadores do transporte aéreo; 2.625 em ferroviários; e 203 em trabalhadores do transporte aquaviário.

Os municípios que mais aplicaram vacinas, em números absolutos de doses, foram Curitiba (1.529.022); Londrina (425.158); Maringá (395.618); Cascavel (243.734); Ponta Grossa (225.751), Foz do Iguaçu (215.873); São José dos Pinhais (188.563); Colombo (155.090); Paranaguá (131.358) e Guarapuava (129.912).

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

JR Martelinho de Ouro

Eudora – Isabela (43)99930-7585

Parabéns Arapongas

Jacovós & Amigos

Ney Faccio – 01/10

Atom Academia

Clique na Imagem p/Ampliar

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: