Colunistas Rosangela Nishijima

SHIATSU Uma técnica para quem quer saúde e bem-estar

capashistsu

Método japonês é alternativa eficaz para resolver problemas decorrentes da ‘correria’ cotidiana

Convenhamos, o corre-corre da vida atual nos obriga a deixar para segunda plano alguns assuntos fundamentais da vida.  É tanto trabalho, compromissos sociais e familiares que mal sobra tempo para cuidar da beleza, buscar alívio às dores corporais e relaxar um pouco. Se a descrição acima bate com a sua realidade, saiba que existe uma alternativa eficiente para ‘solucionar’ esses problemas. É o Shiatsu, que, através do toque das mãos e dos dedo sem determinadas partes do corpo, consegue restabelecer o equilíbrio energético do organismo, trazendo bem-estar e beleza como consequência.

O Shiatsu é uma técnica japonesa milenar, que também engloba a massoterapia. Ele proporciona benefícios comprovados na eliminação de dores lombares, nas costas, nos músculos e contra cólicas, por exemplo, que são algumas das consequências mais comuns do nosso atribulado cotidiano.Os ganhos vão além, incluindo elevação da autoestima, ajuda no equilíbrio emocional e nos sistemas digestivo, circulatório, reprodutor, entre outros.E, quando se resolve todos esses problemas, os benefícios estéticos aparecem como decorrência natural.

Por este motivo é que o Shiatsu faz tanto sucesso no Japão, que é um dos países mais desenvolvidos do mundo. A título de curiosidade, na “Terra do Sol Nascente”, as pessoas vão antes ao massagista e, somente se este profissional não resolver o problema, é que procuram o médico. Lá, os terapeutas não dizem que você está “doente”, mas sim, que o corpo está em “desequilíbrio”. São técnicas desenvolvidas e aprimoradas ao longo de séculos em uma nação internacionalmente reconhecida pela alta qualidade de vida.

MAIS BENEFÍCIOS

Alívio das tensões, tonificação muscular, auxílio no tratamento da fibromialgia e no combate à hipertensão arterial, melhora na circulação sanguínea e linfática, redução da sudorese e do cansaço. Tudo isto sem contar o relaxamento físico, mental e emocional.O Shiatsu não é indicado: até o terceiro mês de gravidez, casos de doenças com febre e contagiosas, além de suspeita de fraturas,luxações e na maioria das doenças degenerativas.

Rosângela Nishijima
Massoterapeuta e especialista em Shiatsu
(43) 3047-0621 | (43) 9906-3251