Arapongas

Arapongas e Rolândia pedem isenção do pedágio

tn_223309a8b9_muro

O movimento ‘Tarifa Zero’, que começou em Mandaguari no mês passado e conseguiu desconto de 80% no valor do pedágio para moradores do município, chegou a Arapongas e Rolândia. Os dois municípios vêm questionando a legitimidade da cobrança do pedágio após o fechamento da estrada rural do Ceboleiro, que passa pelos dois municípios. O bloqueio, que impede a passagem de veículos, começou em dezembro do ano passado com a construção de um muro com cerca de dois metros de altura e quatro quilômetros de extensão.

O fechamento da Estrada do Ceboleiro na altura da Rua Rabilonga-vermelha, em Arapongas, está mobilizando vereadores dos dois municípios, que questionam a construção do muro pela concessionária Viapar. A obra, feita em terreno do município de Arapongas, é amparada por uma liminar obtida pela empresa junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).A situação é semelhante a de Mandaguari, onde a Viapar fechou a estrada rural Terra Roxa, o que originou o movimento ‘Tarifa Zero’ na região.

Na semana passada, em audiência pública, foi selado um acordo que prevê desconto de 80% no valor do pedágio para carros e motos emplacados em Mandaguari e 75% para caminhões. Os moradores também terão isenção no tráfego da Estrada Terra Roxa, que terá uma cancela instalada.
VANUZA BORGES-TRIBUNA DO NORTE

Solução Informática