Notícias Geral

Richa e Alckmin defendem autorização do governo para empréstimos internacionais

Compartilhe no WhatsApp

Os governadores Beto Richa (PSDB-PR) e Geraldo Alckmin (PSDB-SP) defenderam nesta última sexta-feira, 21, em Curitiba, que a União retire a suspensão da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) que autoriza empréstimos internacionais aos estados e municípios. Richa e Alckimin afirmam que os financiamentos são fundamentais para enfrentar a crise e recuperar a capacidade de investimento.

Sem a chancela da STN, segundo Richa, são afetados três empréstimos do Paraná com o BID: Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transporte (US$ 300 milhões), Paraná Seguro (US$ 67,2 milhões) e Paraná Urbano III ( US$ 150 milhões). “A suspensão compromete US$ 517,2 milhões em créditos ao Paraná”, disse Richa.

Além do Paraná, a suspensão atinge São Paulo, Mato Grosso, Paraíba, Amazonas, além do Distrito Federal. Segundo Richa, a decisão obrigará o Paraná “a adiar investimentos que são imprescindíveis para a melhoria da infraestrutura estadual”. Para Alckmin, o Brasil criou um federalismo que funciona “com uma cabeça hipertrofiada e com o corpo que fica à míngua”. Segundo ele, o governo federal vem tentando fazer o superávit primário às custas dos Estados.

Depilação a Laser Crystal 3D

Molicenter – Ofertas

Black Week Unicesumar

Contato – (43)99916-6212 – Simone

Atom Academia

Convocação para Assembleia Extraordinária

Famintu’s Pet

Rádio Gospel Hits

Jornal Edição de Notícias

× Fale Conosco - Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: