Notícias Geral

Ratinho Jr. vai reforçar a segurança na fronteira e criar a “Cidade da Polícia”

Compartilhe no WhatsApp

O governador do Paraná, Ratinho Junior, confirmou no final de semana que vai reforçar a segurança na fronteira de Foz do Iguaçu com o Paraguai e Argentina e vai ainda criar o que chamou de “Cidade da Polícia” e a “Escola Segura”.

“Temos que ter uma política de fronteira muito forte. Esse trabalho precisa ser unificado com policiamento federal, militar e com o exército integrado a essas polícias. (Vamos) buscar investimento e ter o material técnico qualificado para dar o melhor ambiente de trabalho para os nossos policiais, com boas viaturas, bons armamentos”, disse Ratinho em entrevista a repórter Mareli Martins da Rádio T.

“Vamos planejar a área de tecnologia e criar a cidade da polícia. Será um prédio de integração de todas as forças de segurança, que vai desde de guarda municipal, defesa civil e exército. Cada um na sua responsabilidade, mas pensando junto e criando estratégias”, adiantou o governador.

Outro objetivo, segundo Ratinho Junior, é levar o policial mais perto da família. “Um compromisso de campanha, e que vamos criar é a escola segura. Vamos trazer policiais da reserva para ficar na porta das escolas, para dar tranquilidade para os pais e mães e professores, que muitas vezes são agredidos em sala de aula, e, em especial, aos alunos para que possam ir para a escola sem ser aliciados por malandros com o intuito de oferecer drogas”, disse.

“Essa é uma das prioridades do meu governo, vamos economizar o máximo possível para atender essa demanda”, acrescentou.

Ofertas Molicenter – Válidas até 05/05

Jantar 10 anos Rotary Arapongas

Marmitaria Temperos da Vovó

Solução Informática e Tecnologia

Atom Academia

Zé da Balada