Ocorrência Policial

Ladrões roubam carro e levam presidente do Sindspa como refém em Apucarana

Compartilhe no WhatsApp

Durante patrulhamento de rotina na manhã desta quinta-feira (23), mais precisamente na Avenida Itararé, no Vale Verde, em Apucarana, a equipe policial foi abordada pela vítima de 42 anos, o qual estava em frente a sua residência, e que ao avistar a viatura passou a gritar: “me roubaram”.

Ladrões roubam carro e levam presidente do Sindspa como refém em Apucarana (Foto: Ed. Ferreira – Patrulha da Cidade – Canal 38)

A vitima apresentava várias escoriações em ambos os braços, dorso e perna, edema e corte na região da cabeça lado esquerdo, e que quando indagado acerca do ocorrido passou a relatar que exerce a função de presidente do SINDSPA (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Apucarana) e que nesta quinta-feira (23), por volta das 09h30, quando estava sozinho no interior do sindicato, dois homens adentraram ao local, sendo que um estava portando uma arma de fogo, possivelmente uma pistola na cor preta, que ambos eram altos, magros, morenos, os quais não estavam com o rosto encoberto.

Que o indivíduo armado ao abrir a porta, foi na direção da vitima e passou a falar: “você perdeu, deita, e fica quieto, me da o dinheiro porque os seus próprios colegas já me passaram a letra que você esta com grana”.

A vitima que na maioria do tempo passou deitado, enquanto os meliantes começaram a colocar dentro do veículo do sindicato, um VW/Gol 1.6 Power na cor prata placas ARX-7097, diversos objetos do sindicato, os quais a vitima no momento não soube precisar com maiores detalhes e o seu celular de uso pessoal, um Samsung J7 prime preto, juntamente com a sua carteira contendo documentos de uso pessoal, e que na sequencia os meliantes colocaram vitima dentro do referido veículo, aonde permaneceu no banco de trás com um dos autores, o qual a todo tempo mantinha a arma apontada na direção do seu corpo, e passaram a forçá-lo mediante ameaças para que André Joaquina após levasse até a sua residência.

André disse que em dado momento do percurso, mais precisamente na Rua Dom Pedro II, a vitima aproveitou do descuido do autor e lhe desferiu golpe no rosto, e que a partir desse momento passaram a entrar em luta corporal, que a vitima ao conseguir retirar a arma do agressor passou a usá-la para quebrar o vidro da janela da porta traseira direita e que ele começou a ser estrangulado e devido a isto arremessou a arma em via pública.

Ele ainda afirmou que o meliante que estava conduzindo o veículo gritava para o seu comparsa: “mata ele”, fato este que o fez optar por saltar do veículo, através da janela, mesmo em movimento, o que segundo André ocorreu na Rua Fernando Pereira. Posterior os autores empreenderam fuga com o veículo sentido ao Jardim América.

A equipe juntamente com a vitima realizou busca e averiguações nas imediações, porém a arma não foi localizada no local indicado pela vitima, e os suspeitos não foram encontrados.

O presidente foi devidamente orientado e que para preservar a sua integridade física, foi solicitado apoio medico da equipe Samu, a qual encaminhou André até o UPA para o atendimento médico. A equipe da Guarda Municipal permaneceu no sindicato, haja vista o local estar temporariamente exposto.

Por volta das 15h30, o veículo foi localizado abandonado na rua Getúlio Vargas no Jardim Ponta Grossa, onde no porta malas havia uma televisão na cor preta da marca Panasonic de LCD de 40 polegadas. O veiculo encontrava-se com vários riscos na lataria sem o rádio toca CD e com o vidro traseiro do lado direito quebrado. Foi encaminhado para a SDP para as providências cabíveis.

Molicenter Ofertas 13/12

Sino de Ouro

Molipark

Solução Informática e Tecnologia

Canal André Silva

Mais vídeos do canal Aqui