Uncategorized

Grávidas que receberam vacina devem ser monitoradas

Governador Carlos Massa Ratinho Júnior, durante reunião com a equipe de governo. Curitiba, 15/01/2019 - Foto: José Fernando Ogural/ANPr
Compartilhe no WhatsApp

O governador do Paraná Carlos Roberto Massa Junior, disse em uma entrevista no início da tarde desta terça-feira (11), à RPC que a Secretaria de Saúde vai acompanhar as orientações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Na segunda-feira (10) a Anvisa recomendou a suspensão imediata do uso da vacina Covid-19 da AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes. A orientação está em Nota Técnica emitida pela Agência a partir desta-terça-feira (11). Ratinho Junior disse que as grávidas que receberam a vacina da AstraZeneca devem ser monitoradas, mas que nenhum problema foi relatado no Paraná até o momento.Uma nota técnica deve ser emitida pelo Governo do Estado.

A Anvisa informou por meio de nota que fez essa suspenção porque faz um monitoramento constante das vacinas covid-19 aplicadas em todo o país de eventos adversos que são relatados no país.

O uso off label de vacinas, ou seja, em situações não previstas na bula, só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. A bula atual da vacina contra Covid da AstraZeneca não recomenda o uso da vacina por gestantes sem orientação médica.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Aravel

JR Martelinho de Ouro

Atom Academia

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: