Notícias Geral

Em uma semana, diagnósticos e óbitos por Covid-19 crescem 91% e 63% em Curitiba e número de casos ativos bate recorde

Compartilhe no WhatsApp

Com o boletim divulgado no final da tarde deste sábado (21 de novembro) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Curitiba viu chegar ao fim a 36ª semana convivendo com a pandemia do novo coronavírus. E os dados da semana que se encerra, a chamada média móvel, trazem motivos para grande preocupação, com aumento importante na média de novos casos e óbitos por dia, além do recorde de casos ativos na cidade.

Com relação aos diagnósticos, de uma semana para a outra a capital paranaense viu a média diária praticamente dobrar. Na semana de número 36, entre os dias 15 e 21 de novembro, foram 1.067,29 novos casos da doença diagnosticados por dia, ao passo que na semana anterior (35) havia sido 559,43 registros. O aumento de uma para a outra semana, portanto, foi de 90,78%.

Com o avanço dos novos casos, a capital paranaense bate pela segunda semana consecutiva o recorde de diagnósticos diários.

No primeiro pico da pandemia, o recorde de novos casos havia sido registrado na semana de número 19, entre os dias 19 e 25 de julho, com 528,14.

Média de mortes avança mais de 63%

Quanto ao número diário de mortes causadas por infecções pelo novo coronavírus, Curitiba viu o índice saltar 63,16%, passando de 5,43 mortes na semana de número 35 para 8,86 na semana 36.

Trata-se da maior média diária de mortes desde a semana 28, entre os dias 20 e 26 de setembro, quando 10 vidas foram ceifadas por dia na capital paranaense.

De toda forma, o recorde de óbitos permanece com a semana de número 21, entre os dias 2 e 8 de agosto, quando a Covid-19 levou 18,29 vidas por dia na capital paranaense.

Depilação a Laser Crystal 3D

Molicenter – Ofertas

Black Friday Junior Baby

Black Week Unicesumar

Contato – (43)99916-6212 – Simone

Atom Academia

Famintu’s Pet

Rádio Gospel Hits

Jornal Edição de Notícias

× Fale Conosco - Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: