Apucarana

Apucarana: Residência Multiprofissional alcança 110 mil atendimentos em dois anos

Compartilhe no WhatsApp

Atuando na rede pública de saúde de Apucarana, 54 residentes da primeira e segunda turmas da Residência Multiprofissional da Autarquia Municipal de Saúde (AMS) prestaram 110 mil atendimentos em 2 anos. Neste cenário se incluem 22.211 procedimentos na área de odontologia e 1.460 visitas domiciliares, levando atendimento para dentro das residências dos pacientes nas áreas de nutrição, psicologia, enfermagem, odontologia e fisioterapia.

A coordenadora da Comissão de Residência Multiprofissional (COREMU), Francieli Nogueira Smanioto, destaca que os atendimentos em grupo realizados pelos residentes passaram da casa de 60 mil. Os residentes formaram grupos de fisioterapia, de nutrição, psicologia, educação física, de puericultura, de coluna, ginástica laboral, diabéticos, hipertensos, entre outros, atuando de forma multidisciplinar e oferecendo à população ações de promoção, prevenção e reabilitação.

“Além do aumento no número de atendimentos, houve uma melhora significativa na qualidade destes serviços”, enfatiza Francieli. Já na residência em Saúde Mental, entre os mais de 5 mil atendimentos prestados, os profissionais conduziram grupos terapêuticos e de família voltados à inserção da família nos processos de tratamento e a reinserção dos pacientes à sua vida de estudo, lazer e produção.

Residência obstétrica estimula parto normal

Os seis profissionais da Residência em Enfermagem Obstétrica deram um grande reforço na atenção às gestantes atendidas na rede pública, realizando quase 15 mil atendimentos em 2 anos. Foram 4.810 consultas de enfermagem de pré-natal, 2.535 exames de cardiotocografia, além de 1.200 atendimentos de puericultura, entre muitas outras atividades voltadas à saúde da gestante e do bebê.

As residentes em enfermagem obstétrica realizaram, em parceria com profissionais do Hospital da Providência Materno Infantil, 153 partos normais, contribuindo para redução do índice de cesariana no município. Foram responsáveis pelo desenvolvimento de ações de humanização do parto, prestando esclarecimentos em relação aos benefícios relacionados ao parto normal.

“São apenas alguns números do relatório de produção dos Programas de Residência Multiprofissional da Autarquia de Saúde. Além de tornar Apucarana um polo de formação de profissionais da área da saúde, comprovadamente a conquista das residências teve um grande impacto no atendimento da saúde à nossa população. Agradecemos aos profissionais pela grande diferença que estão fazendo na nossa estrutura pública de saúde”, avalia o prefeito Beto Preto.

Programa entra no terceiro ano

A Autarquia Municipal de Saúde (AMS) iniciou em março a 3ª turma da Residência Multiprofissional e a 1ª turma da Residência Médica das especialidades de Dermatologia e Medicina da Família e Comunidade, da Autarquia Municipal de Saúde (AMS).

A 3ª turma Residência Multiprofissional conta com 27 residentes. São profissionais de Enfermagem, Educação Física, Fisioterapia, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Serviço Social, distribuídos entre os programas de residência Programa de Residência Multiprofissional em Atenção Básica/ Saúde da Família (18), Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Mental (6); e Residência em Enfermagem Obstétrica, com ênfase em Rede Cegonha (3).

A primeira turma da Residência Médica em Dermatologia e Medicina da Família e Comunidade é formada por quatro profissionais, sendo dois em cada especialidade. “Vale a pena frisar que os residentes cumprem dois anos de pós-graduação e têm direito a uma bolsa/remuneração mensal de R$ 3.330,43 bancada pelo Ministério da Saúde. Trata-se de uma grande conquista da nossa gestão”, pontua o médico Beto Preto, assinalando que “a saúde pública ganhou o reforço destes profissionais, sem custo para a Prefeitura de Apucarana”.

Profissionais reforçam a UPA, SAMU e UBS´s

O credenciamento dos programas de residência médica e multiprofissional pela Autarquia Municipal de Saúde, junto ao governo federal, foi oficializado em 2015. Em 2016, 27 profissionais na Residência Multiprofissional e um na Médica iniciaram a pós-graduação de dois anos, com carga horária de 60 horas semanais, sendo 48 horas de trabalho de campo e 12 horas de estudos. Em 2017, outros 27 residentes se somaram a primeira turma e, ao longo do último ano, representaram um importante reforço à equipe profissional da saúde do município.

Todos os residentes atuam na rede pública de saúde atendendo na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), na Autarquia Municipal de Saúde, Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ivaí e Região (Cisvir), no Hospital da Providência e no Hospital Materno Infantil.

NÚMEROS DO PROGRAMA

22.211 atendimentos odontológicos

1.460 visitas domiciliares (pacientes)

60.000 atendimentos em grupo

5.000 procedimentos em saúde mental

15.000 exames/consultas pré-natal

Molicenter Ofertas 14-15 e 16/12

Sino de Ouro

Molipark

Solução Informática e Tecnologia

Canal André Silva

Mais vídeos do canal Aqui