Apucarana

Ampliação do Cisvir segue para anuência estadual

Compartilhe no WhatsApp

O início das obras de ampliação da sede do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ivaí e Região (Cisvir) deve ser autorizado nos próximos dias pelo Governo do Paraná. Os projetos arquitetônico, estrutural, elétrico e hidráulico, bem como toda a documentação referente às licenças e contratação de empresa especializada, que já está definida por licitação, serão encaminhados nesta semana pela Secretaria de Obras da Prefeitura de Apucarana para anuência da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).Inaugurada há quatro anos, a sede própria do Cisvir está localizada no Jardim América, em Apucarana, e conta com 1.950 metros quadrados de área construída, em terreno de 11 mil metros quadrados doado pela Prefeitura de Apucarana, período em que o então prefeito e hoje secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, também respondia pela presidência do Cisvir. O projeto de ampliação prevê a construção de mais um bloco com 1.013,32 metros quadrados que irá abrigar setores de diagnóstico por imagem, consultórios odontológicos e novos consultórios médicos, bem como a cobertura da área das ambulâncias.

O prefeito Júnior da Femac destaca que a ampliação da estrutura de atendimento do centro de especialidades médicas é uma necessidade e está sendo viabilizada com recursos estaduais na ordem de R$2.482.744,22, via Programa Estadual de Apoio aos Consórcios Intermunicipais de Saúde (COMSUS), sendo 5% de contrapartida municipal. “O Cisvir, que hoje é presidido pelo prefeito de Marilândia do Sul, Aquiles Takeda, atende gratuitamente uma população de 17 municípios consorciados e precisa de mais espaço para acolher ainda melhor aos pacientes”, frisa o prefeito de Apucarana.

Ele destaca que, com acompanhamento da diretoria do consórcio, o município atuou na elaboração do projeto, do orçamento, da licitação e intermediação dos recursos junto ao Governo Ratinho Júnior. “A Prefeitura de Apucarana se sente honrada em poder contribuir mais uma vez com o Cisvir, agora com a expansão da estrutura”, disse Júnior da Femac.

A empresa responsável pela obra, já definida por licitação, é a Pires Construções e Empreendimentos Ltda, de Apucarana, que aguarda apenas a anuência da Sesa para iniciar a obra. “Estávamos aguardando a liberação do projeto por parte do Corpo de Bombeiros, o que aconteceu e, esta semana, vamos enviar toda documentação para aprovação da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), que deverá destacar um fiscal da Paraná Edificações para acompanhar a obra, em conjunto com o município. Este é o último trâmite burocrático, por isto acreditamos que muito em breve a empreiteira dê início ao canteiro de obras”, avaliou a engenheira civil Caroline Moreira de Souza, diretora da Secretaria Municipal de Obras.

O Cisvir – Criado em 1996, o centro de especialidades médicas do Cisvir atende gratuitamente a população via Sistema Único de Saúde (SUS). Durante 20 anos funcionou em imóveis alugados e, em 2016, ganhou sede própria em Apucarana em terreno de 11 mil metros quadrados doado pela prefeitura. O prédio absorveu investimento de aproximadamente R$ 3 milhões, com recursos do Governo Federal, Governo do estado e Prefeitura de Apucarana. A estrutura atual conta com dois blocos com 20 consultórios oftalmológicos, ginecológicos, urológicos, ultrassom, ambulatórios, eletroencefalograma, eletrocardiograma, sala de recuperação e raio-x, além de recepção, administração, cozinha, refeitório, fraldário e sanitários.

“Agindo Deus, quem impedirá?” Is 43:13

Aravel

Ney Faccio 20/06

JR Martelinho de Ouro

Atom Academia

Jornal Edição de Notícias

× Anuncie no site
%d blogueiros gostam disto: