Ocorrência Policial

Polícia prende envolvidos em roubos a caixas eletrônicos e três são mortos

policia2

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná deflagrou nesta segunda-feira (27) a Operação Partenon, e prendeu duas quadrilhas especializadas em explosão de caixas eletrônicos. Até o momento, foram presas 19 pessoas e outras três morreram em confronto com a polícia em Barbosa Ferraz, Umuarama e Cianorte. Também foram apreendidos um fuzil, uma pistola 9mm, uma pistola calibre 45, munições, colete balístico, máscara de gás e R$ 3 mil.

A operação é realizada simultaneamente nos municípios de Campo Mourão, Barbosa Ferraz, Cianorte, Umuarama, Engenheiro Beltrão, Jussara, Cidade Gaúcha, Araruna e Maringá. Mais de 170 policiais civis e militares estão nas ruas cumprindo 24 mandados de prisão e outros 35 de busca e apreensão que foram expedidos pela Justiça de Paraíso do Norte, na região Noroeste.

A investigação começou em março deste ano. As duas quadrilhas teriam explodido 16 caixas eletrônicos no Paraná. Também seriam responsáveis por assaltos em Terra Boa, Cianorte e Urupês (São Paulo). As explosões ocorreram nos municípios de São Carlos do Ivaí, Tamboara, Mirador, Paraíso do Norte, Iretama, Quinta do Sol, Douradina, Jussara, Corumbataí do Sul e Araruna.

Segundo a polícia, antes desta operação, outros 13 integrantes da quadrilha já tinham sido presos, dentre eles o suspeito de comandar o grupo, detido por roubar um carro em Curitiba em março deste ano.

A operação conta com equipes do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre), Batalhão de Operações Especiais (Bope), Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), Departamento de Inteligência do Estado do Paraná (Diep) e Força Especial de Repressão Antitóxico (Fera).

Fonte: TNOnline