Notícias Geral

SABÁUDIA – Famílias atingidas por enchentes recebem benefício de auxílio-calamidade

_2436
Na manhã desta quarta-feira (06), nove famílias que foram atingidas pelo desastre natural causado pelas chuvas intensas no mês de janeiro deste ano, receberam da Prefeitura o benefício eventual – auxílio calamidade, com a finalidade de suprir algumas necessidades básicas. Entre os beneficiados, duas famílias são da zona urbana e as demais são da zona rural, das comunidades do Sussuí, pau D’alho e Pirapó.
 
Estiveram presentes o prefeito Edson Hugo Manueira, a presidente da Câmara Legislativa, vereadora Milady Leila Trava, o tesoureiro Geraldo Ananias Pinto, a assistente social da Secretaria de Ação Social, Jeisiely Pereira Lima, o chefe de gabinete Márcio de Camargo e o coordenador municipal da defesa civil, Bruno Silva.
Cada família irá receber quatro salários mínimos divididos em quatro parcelas, totalizando R$ 3.520,00. Duas parcelas  retroativas foram repassadas nesta data e as demais nos próximos dois meses. A fonte do recurso concedido é integralmente do município, graças ao apoio dos vereadores que aprovaram a lei municipal criada com a finalidade de atender essas famílias.
 
A assistente social do município, Jesiely Lima, explicou que a Lei Municipal nº 306/2014, que dispõe sobre os benefícios eventuais da Política de Assistência Social do município e prevê o beneficio  de auxílio calamidade a vítimas de desastres naturais, em seus artigos 12º e 17º, destinando os recursos ao atendimento de necessidades advindas de situações de vulnerabilidade temporária.

 Ela disse ainda que a Secretaria Municipal de Assistência Social, juntamente com a equipe técnica formada por um representante da Defesa Civil do município, um representante do setor de engenharia e um da vigilância sanitária, vem fazendo o acompanhamento destas famílias, bem como realizou avaliação das mesmas para liberação do benefício, conforme estabelecido pela Lei, levantando suas necessidades prioritárias para que sejam amenizadas as perdas ocorridas por ocasião das enchentes  que atingiram fortemente a região no início do ano.
 
“Todas essas famílias tiveram que deixar suas moradias devido ao risco e ainda não retornaram. Este benefício minimizará os danos sofridos e também  proverá as necessidades dessas famílias para que tenham condições de retornar as suas casas ou se restabelecerem em outro local”, frisou a assistente social.
 
Durante o repasse, que ocorreu no gabinete do prefeito Hugo Manueira, o coordenador da defesa civil, Bruno Silva, lembrou que na ocasião do desastre, o município fez o reparo das pontes e o restabelecimento do tráfego nas estradas atingidas para minimizar a situação das famílias sabaudienses. Os trabalhos no reparo das pontes e aterro continuam.    Bruno ainda informou nas próximas semanas voltará a visitar as áreas atingidas, aonde essas famílias residem para orientá-las quando a delimitação de risco de cada área, conforme orientação da Defesa Civil.