Notícias Geral

Polícia faz operação para localizar 35 pessoas monitoradas por tornozeleiras

tn_313988f1e7_tornozeleira1

A Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná (Sesp) realiza, na manhã desta segunda-feira (18), a operação “GPS”, com objetivo de localizar 35 pessoas monitoradas por tornozeleiras eletrônicas e que estariam praticando infrações penais, como o desligamento do equipamento, o que é proibido. Essas pessoas são procuradas por policiais civis e militares em Curitiba e seis cidades do Interior do Estado.

polícia suspeita de que alguns dos monitorados desligam ou deixam de recarregar as tornozeleiras de maneira intencional para cometer crimes neste período. Ao constatar essa situação, o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) recebe um sinal indicando o rompimento ou desligamento da tornozeleira. Os agentes entram em contato com o monitorado para que o equipamento seja utilizado de forma adequada.

PRESOS POR ROUBO
De acordo com a Sesp, a maioria dos alvos da operação foi presa por roubo e ganhou da Justiça direito ao benefício da tornozeleira eletrônica. Se as infrações penais forem comprovadas, os detentos perdem o benefício e têm regressão no regime carcerário.A operação é coordenada pelo CICC, com apoio das Polícias Civil e Militar e do Departamento de Execução Penal (Depen). O balanço da ação policial será divulgado ainda nesta segunda-feiraColaboração As informações são da Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná