Arapongas

Lideranças de Arapongas cobram construção do Contorno Leste

tn_f9d719187b_contorno-arapongas

Protelada por diversas vezes, a construção do Contorno Leste de Arapongas volta à tona em meio à polêmica do fechamento da Estrada Rural do Ceboleiro. Lideranças do município planejam realizar no próximo mês uma audiência pública com a Viapar, concessionária responsável pela obra. O próprio prefeito Sérgio Onofre (PSC) tem uma reunião marcada na semana que vem com diretores da empresa, em Maringá, para pedir a antecipação da obra ainda para este ano.

Originalmente, o contorno deveria ter obras iniciadas em 2015 e encerradas em 2016. No entanto, o projeto foi transferido para o triênio 2018-2020.Onofre revela que tem discutido o assunto diretamente com o Governo do Estado e também com a concessionária Viapar. “Na próxima terça-feira, vou pessoalmente pedir a antecipação do início das obras ainda para o segundo semestre deste ano. Não sei se vou conseguir, mas irei tentar, porque essa obra é essencial para desafogar o trânsito da Avenida Maracanã e também para o desenvolvimento dessa região de Arapongas”, avalia.

O prefeito acredita que uma mudança ocorrida no ano passado no âmbito da desapropriação possa favorecer o início das obras. “Antes a desapropriação seria feita pelo Estado, agora é própria Viapar que deverá pagar as indenizações aos proprietários, o que é um ponto positivo considerando o orçamento público enxuto”, comenta. Ainda sobre a desapropriação, Onofre alega que 60% da área a ser desapropriada pertence a uma única família, que é proprietária da Fazenda Santo Antônio. “Em uma única negociação, 60% da desapropriação já será acertada, o que facilita muito o processo”, diz.

O traçado original do Contorno Leste de Arapongas prevê 10 Km. O desvio começaria no km 179, que fica próximo ao Trópico de Capricórnio, e terminaria no km 189, próximo ao Centro de Eventos Expoara. As medições iniciais ocorreram em 2013.Em nota, o Departamento de Estradas e Rodagem (DER), diz que a elaboração do projeto de desapropriação para a obra do contorno de Arapongas está em andamento e sendo feita pela concessionária, a Viapar. Ainda segundo a nota, a avaliação e aprovação do projeto será feita pelo DER após análise deste documento.

A nota traz ainda que, conforme o termo aditivo nº 141/2015, assinado pelo Governo do Paraná e a
da desapropriação já será acertada, o que facilita muito o processo”, diz.

O traçado original do Contorno Leste de Arapongas prevê 10 Km. O desvio começaria no km 179, que fica próximo ao Trópico de Capricórnio, e terminaria no km 189, próximo ao Centro de Eventos Expoara. As medições iniciais ocorreram em 2013.Em nota, o Departamento de Estradas e Rodagem (DER), diz que a elaboração do projeto de desapropriação para a obra do contorno de Arapongas está em andamento e sendo feita pela concessionária, a Viapar. Ainda segundo a nota, a avaliação e aprovação do projeto será feita pelo DER após análise deste documento.

A nota traz ainda que, conforme o termo aditivo nº 141/2015, assinado pelo Governo do Paraná e a concessionária Viapar, a execução da obra está prevista entre os anos 21 (2018) e 23 (2020) do contrato. “O contorno de Arapongas previsto no termo aditivo é de 10,2 quilômetros de pistas duplas e a estimativa de custo gira em torno de R$128 milhões”, completa a nota.

TN ONLINE

Solução Informática