Arapongas

Colégio Marques de Caravelas chega aos 74 anos em Arapongas

tn_b4625b8a26_colegiomarques90

Iniciado em um prédio simples de madeira, o Colégio Marques de Caravelas tem uma história que se confunde com Arapongas, município que completou ontem 70 anos. A instituição de ensino foi fundado em 1943, quatro anos antes da emancipação política da cidade.

Na época, o colégio era denominado como Grupo Escolar Marquês de Caravelas, mas o primeiro nome da escola era antigo Grupo Escolar de Arapongas, criado durante governo do prefeito Miguel Blasi, de Londrina, e do governador do estado Moysés Lupion.A instituição recebeu o nome de Colégio Marques de Caravelas em homenagem a “José Joaquim Carneiro De Campos”, diplomata brasileiro na época do Império, 1823.

Em 1949 foi construído o atual prédio, graças aos esforços de pioneiros, como Antônio Garcez Novaes, Deodato Antero França, e outras pessoas que se organizaram angariando materiais e ajudar com a mão-de-obra da construção. Desde 2004, o professor Nilson Martins Ribeiro assumiu a direção da escola. Para Hideraldo, a instituição é o berço da educação de Arapongas.

“Foi onde a educação da cidade começou e por aqui passaram muitas pessoas que hoje contribuem com o desenvolvimento do município. O colégio tem como prioridade a qualidade de ensino, o bom desenvolvimento das atividades e dos conteúdos”. Muitos profissionais de Arapongas passaram pelo colégio. Um deles é o empresário Paulo Pennacchi, 68 anos, que estudou no colégio em 1957.

“Lembro que a parte externa era feita de alvenaria e as salas de aula de madeira”, relembra. O empresário destaca a formação que o colégio oferecia. Foi graças a ela que ele se destacou nos estudos. O empresário recorda que a primeira vez que andou de avião, foi por conta das atividades escolares. Bom aluno, ele venceu a Maratona de Matemática Machado de Assis, em 1959. A final foi disputada em Curitiba. “Tenho muitas lembranças boas e felizes do colégio”.

Evolução
Hoje, o Colégio Marquês de Caravelas é um dos maiores de Arapongas. São 19 salas de aula e aproximadamente 1.270 alunos nos três turnos com os cursos Ensino Fundamental e Ensino Médio. A escola também consta com auditório para 120 pessoas, espaço destinado para projeção de filmes, apresentações de teatros e danças. Em 2014, foi inaugurada a sala de multimídia onde conta com 50 lugares equipadas com data show e lousa digital.