Apucarana

FNP elege nova diretoria para o biênio 2017/2018

20170426185447__MG_5057

Em assembléia realizada na tarde de ontem, em Brasília, no Centro de Eventos do Estádio Mané Garrincha, foi eleita a nova diretoria da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para o biênio 2017/2018. A instituição, que congrega municípios de todo o país – com mais de 80 mil habitantes -, terá na presidência o prefeito de Campinas –SP. Jonas Donizetti, sucedendo o ex-prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda.

O prefeito de Apucarana, o médico Carlos Alberto Gebrim Preto, foi eleito para ocupar a vice-presidência nacional da FNP para a área de saúde pública. Até então, Beto Preto ocupava o cargo de vice-presidente da FNP para o Estado do Paraná.

Do Paraná também foram empossados em cargos da FNP os prefeitos de Curitiba, Rafael Greca (Cidades Inteligentes), de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (Ferrovias), de Guarapuava, César Silvestre (PPP´s e concessões), e de Maringá, Ulisses Maia (novo vice-presidente para o Paraná).

A solenidade contou com a presença do ministro da secretaria de governo da Presidência da República, Antônio Imbassay. Também participaram Guilherme Afif, presidente do Sebrae; deputados federais e prefeitos de todo o país, incluindo vários das capitais.

Antônio Ambassay, que foi prefeito de Salvador-BA por oito anos, se manifestou honrado por representar o Governo Federal no ato. Ele cumprimentou Márcio Lacerda pela sua gestão e desejou sucesso a Jonas Donizetti no novo biênio à frente da FNP.

Ao concluir seu mandato, Lacerda fez uma prestação de contas, destacando a conquista dos municípios dos recursos oriundos da repatriação e o programa de Parcerias Público-Privadas, que está sendo articulado com o governo federal.

Jonas Donizetti anunciou que irá dar continuidade à gestão de Lacerda com as mesmas marcas. “A transparência e as parcerias com instituições privadas e públicas do Brasil e organismos internacionais, terão sequência”, anunciou.

“Diálogo com o Ministério da Saúde

será constante”, anuncia Beto Preto

Após ser empossado como novo vice-presidente nacional da FNP para saúde pública, o prefeito Beto Preto anunciou ontem, em Brasília, que irá pautar sua ações conforme os conhecimentos que agregou ao longo de sua trajetória na gestão pública.

Ele lembrou que foi secretário de saúde de Apucarana, dirigente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná e do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde. “Também ocupei cargo de diretoria no Ministério da Saúde”, acrescentou, admitindo que por ser médico e ter exercido estas funções foi conduzido para a nova função na Frente Nacional de Prefeitos.

“O Brasil está atravessando uma fase de transição muito difícil e vamos precisar estar atentos a todas as mudanças, dialogando com o Ministério da Saúde, mas sem abrir mão dos recursos – e das atualizações pontuais – que garantem o custeio do Sistema único de Saúde (SUS)”, comentou Beto Preto.