Apucarana Geral

Conferência das Cidades reflete os anseios da população

CONFERENCIA(PROFETA) (1)

Pelo menos 20 propostas foram aprovadas por 200 delegados com direito a voto na 6ª Conferência Municipal das Cidades. O evento, realizado sexta e sábado no Unespar/campus Apucarana, atraiu um público de 500 pessoas que debateu e elencou metas voltadas para o desenvolvimento do município.

Para o vice-prefeito e coordenador da conferência municipal, Junior da Femac, o evento foi coroado de sucesso. “Foi uma vitória para Apucarana. Saíram boas ideias que vão impulsionar nossa cidade nos próximos anos. Ficamos felizes com as deliberações que foram tomadas”, afirma Junior. Ele cita como exemplo a proposta para definição de regras para iluminação pública em novos loteamentos, garantindo a esses espaços a instalação de equipamentos que forneçam um serviço de qualidade e moderno.

Reiterando seu propósito de conduzir um mandato participativo, o prefeito Beto Preto define a Conferência Municipal das Cidades como uma grande oportunidade de entender os anseios da população. “Vamos analisar e buscar atender cada proposta que foi fruto de grande debate entre representantes da sociedade organizada da cidade”, afirma Beto Preto.

Outra proposta aprovada diz respeito ao licenciamento municipal ambiental. “Seria um grande avanço Apucarana passar a contar com esse serviço municipalizado para quando formos aprovar um loteamento ou começar uma nova empresa, sem depender o IAP em Londrina ou Curitiba”, comenta Junior.

Na área de mobilidade urbana, foram aprovadas sugestões para inclusão das calçadas entre as obras de infraestrutura básica dos novos loteamentos. A transposição ferroviária também foi tema dos debates, que resultaram na definição de novos pontos prioritários para receber viadutos e passarelas sobre a linha férrea, a exemplo do que está sendo construído pela administração Beto Preto no Núcleo João Paulo.

“Estamos felizes com todo esse resultado e Apucarana está tomando gosto pela participação. Uma das melhores obras que uma administração pode fazer é incentivar as pessoas a participarem. Desta forma a comunidade perde o medo e sabe que o que está propondo nas conferências e audiências vai ser colocado em prática”, declara Junior. Além de debater e definir novas metas de desenvolvimento de Apucarana, a 6ª Conferência Municipal das Cidades elegeu 28 delegados e respectivos suplentes que vão representar o município durante a conferência estadual.

CONFERENCIA(PROFETA) (3) CONFERENCIA(PROFETA) (2)