10º BPM realiza solenidade de troca de comando – Ednotícias
Apucarana

10º BPM realiza solenidade de troca de comando

Comemorando o baixo índice de criminalidade, com 9 meses sem o registro de homicídio em Apucarana, o tenente-coronel José Francisco Cardoso deixou nesta sexta-feira (29/06) o comando do 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM). O cargo foi transmitido para seu irmão, major Roberto Francisco Cardoso, que foi nomeado pela governadora Cida Borghetti após pedidos de lideranças políticas, empresariais e de segmentos da sociedade.
A solenidade, realizada na sede do 10º BPM, foi presidida pelo tenente-coronel Luiz Roberto Costa, que responde pelo Comando Regional da Polícia Militar (CRPM), de Londrina. O prefeito de Apucarana, Beto Preto, prestigiou o ato, acompanhado pelo vice-prefeito Junior da Femac e secretários municipais. A cerimônia contou ainda com a presença de demais autoridades militares, do Legislativo, Judiciário e eclesiásticas.
Beto Preto falou em nome dos demais prefeitos e enalteceu a nomeação do major Roberto Francisco Cardoso. “É uma data histórica. A Polícia Militar vem realizando um trabalho ostensivo em Apucarana e todo o seu entorno, digno do respeito da comunidade. Por isso, a decisão da coronel Audilene Rocha, comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, de indicar o major Cardoso para a continuidade dos trabalhos merece nosso elogio. É um profissional que conhece profundamente a realidade de Apucarana e da região”, enalteceu Beto Preto, reforçando que a sua nomeação atende a um pedido da comunidade.
Ao deixar o cargo, o tenente-coronel José Francisco Cardoso disse que sempre sonhou em comandar o 10º BPM, o que acabou acontecendo no final da carreira, quando estava prestes a completar 35 anos de serviço na Polícia Militar. “Quando assumi, em abril de 2016, tínhamos problemas de telecomunicações e de análise de inteligência. A segurança pública não dá saltos, é um processo, e seguindo essa linha de pensamento implantamos um sistema de policiamento mais inteligente e menos truculento, que hoje é uma exigência da sociedade brasileira e mundial”, ressaltou José Francisco Cardoso.
O tenente-coronel afirma que o trabalho implantado deu resultado e o índice de criminalidade baixou. “Estamos chegando já a 9 meses sem homicídio na cidade de Apucarana e isso é resultado do trabalho de todos, de policiais a oficiais”, ressalta José Francisco Cardoso, que recebeu do seu pai o livro de histórico funcional.
Durante a solenidade, também foi apresentado o seu retrato que será fixado na galeria de ex-comandantes, feita a leitura do elogio pela carreira militar e do ato oficial de exoneração do tenente-coronel que agora passará a integrar a reserva remunerada da corporação. Além disso, houve passagem da insígnia de comando, a execução do Hino Nacional pela Banda Municipal e desfile da tropa.
O novo comandante disse que a intenção é dar continuidade ao trabalho, mantendo baixo o índice de criminalidade e apostando no policiamento inteligente. “O Batalhão está funcionando muito bem e apresentando bons resultados. Os policiais são muito comprometidos com a segurança pública. Esperamos que o Batalhão continue contribuindo para que Apucarana e região seja um lugar muito bom para se viver”, assinala o major Roberto Francisco Cardoso.
Roberto Francisco Cardoso nasceu em Faxinal em 1970, é casado e tem dois filhos. Ingressou na Academia Policial Militar do Guatupê em 1991 e seguiu a carreira prestando serviços dentro da corporação em Apucarana, Paranaguá, Telêmaco Borba, Rolândia, Londrina e Maringá. É formado em Direito e possui diversos cursos de pós-graduação em seu currículo.

Molicenter Sup Ofertas 17-18-19/08

Solução Informática e Tecnologia